Pular para o conteúdo principal

Postagens

10 astros de Hollywood que eram inventores geniais

(Gage Skidmore; United States Library of Congress' Prints and Photographs division; Ed Schipul/Reprodução)

Você sabia que Houdini criou uma roupa de mergulho inédita e que a intérprete da Mulher-Gato patenteou a meia-calça?

Por Marcelo Testoni

Quando se pensa em feitos para lá de fantásticos, a imagem que vem à mente é a de cientistas trabalhando em superlaboratórios, e não de celebridades consagradas por Hollywood. No entanto, é grande o número de famosos detentores de patentes em áreas pouco ou nada relacionadas com o universo do show business.

1) Marlon Brando

(Reprodução/Reprodução)

No auge da fama, o galã de Uma Rua Chamada Pecado (1951) vivia engajado em movimentos a favor da preservação da cultura indígena-americana e até aprendeu a batucar bongôs. No entanto, por ser muito requisitado no meio artístico, Brando teve de abandonar o instrumento e só voltou a tocá-lo nos anos 2000. Nessa época, prestes a se aposentar, ele se descobriu como designer e criou um tipo de ajuste d…
Postagens recentes

O médico europeu que deu início à pesquisa com maconha há mais de 170 anos

O irlandês passou oito anos trabalhando em um hospital de Calcutá; nesse período, estudou uma variedade de plantas locais, entre elas a cannabis

Na primeira metade do século 19, o médico irlandês William Brooke O'Shaughnessy viveu alguns anos na Índia e descobriu algo totalmente novo para o mundo ocidental: a maconha.

A cannabis já era usada na região havia milhares de anos, como remédio ou substância recreativa. Mas, na literatura médica do Ocidente, não havia nenhuma informação sobre a planta.

"Não consegui localizar referências sobre o uso dessa substância na Europa", escreveu o médico, em um estudo sobre a cannabis publicado em 1839 na revista científica Journal of the Asiatic Society of Bengal, com o título "Sobre as preparações da cannabis indiana, ou Gunjah"(o artigo original que pode ser consultado em inglês neste link).

O estudo de O'Shaughnessy propunha registrar o potencial médico da cannabis pela perspectiva científica. Além disso, fazia observ…

Parentesco com o morango e outras surpresas reveladas pelo mapeamento genético das rosas

A história genética das rosas está cheia de surpresas (M BENDAHMANE)

Helen Briggs
Da BBC News

O sequenciamento do genoma humano - um dos feitos científicos mais importantes da história - foi concluído em 2003. Agora, os cientistas terminaram uma versão nova, revista e ampliada do "livro" genético de uma das espécies mais admiradas do mundo, as rosas.

A conclusão do trabalho foi anunciada por cientistas em 30 de abril.

A história genética das rosas está cheia de surpresas. Por exemplo: a flor é mais próxima dos morangos do que se achava anteriormente.

No longo prazo, o sequenciamento genético pode levar à criação de rosas com novos aromas e cores, de acordo com o time de especialistas de vários países.

O novo genoma das rosas levou oito anos para ser concluído. Agora, sabemos exatamente quais genes estão envolvidos na produção do aroma, da cor e da longevidade das rosas, diz o pesquisador Mohammed Bendahmane, da École Normale Supérieure (ENS) de Lyon, na França, que liderou …

O enigma resolvido há 300 anos pelo matemático Leonard Euler e que hoje nos permite navegar na internet

O matemático e físico suiço Leonhard Euler (1707-1783) fez descobertas em geometria, trigonometria, álgebra, teoria de números, física e teoria lunar, entre outros

Marcus du Sautoy*
Da série "Breve História da Matemática", da BBC

O desafio matemático anual apresentado pela Academia de Ciências em Paris em 1727 foi este: "Qual a melhor maneira de organizar mastros num barco?"

À primeira vista, é um problema muito prático, mas o jovem matemático suíço Leonhard Euler abordou-o como um quebra-cabeças puramente matemático.

Apesar de nunca ter posto o pé num barco, ele se sentiu perfeitamente qualificado para calcular a melhor disposição dos mastros.

"Não me pareceu necessário confirmar esta teoria com experimentos práticos, porque ela deriva dos princípios mais seguros da matemática. Não há dúvida sobre sua validade e funcionamento na prática", declarou.

Leonhard Euler tinha uma fé absoluta na matemática. Ele emprestou o nome a várias fórmulas e princípios e,…

Hubble mapeia estrelas e astros de galáxias vizinhas da Via Láctea

BRAÇOS ESPIRAIS ESPACIAIS (FOTO: REPRODUÇÃO/ NASA)

Dados coletados pelo telescópio da NASA permitiram que astrônomos desenvolvessem um catálogo rico em informações sobre Universo

Graças ao telescópio espacial Hubble, da NASA, a humanidade está cada vez mais aprendendo sobre e descobrindo segredos do próprio Universo.

Dessa vez, a proeza do equipamento, que está viajando pelo espaço desde 1990, foi a de coletar dados sobre estrelas e aglomerados celestes de 50 galáxias “vizinhas” da Via Láctea – as quais estão localizadas a um raio de distância de 60 milhões de anos-luz da Terra.

Somados os dados coletados nessas 50 galáxias, o Hubble conseguiu mapear cerca de oito mil aglomerados e aproximadamente 39 milhões de estrelas gigante azul, astros pesados que possuem uma massa 18 vezes maior do que a do Sol. Essas estrelas são pesadas, quentes e toda a energia que possuem é emitida através de radiação ultravioleta – uma luz invisível aos nossos olhos.


GALÁXIA UGCA 281 (FOTO: DIVULGAÇÃO/ NAS…

Uma formiga espacial dispara os seus lasers

A Nebulosa da Formiga, fotografada pelo Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA, assemelha-se à cabeça e corpo de uma formiga. Na realidade, é o resultado da morte de uma estrela parecida com o Sol e de complexas interações de material no seu coração.
Crédito: NASA, ESA e Equipe de Arquivo do Hubble (STScI/AURA)

Um fenômeno raro, relacionado com a morte de uma estrela, foi descoberto em observações feitas pelo observatório espacial Herschel da ESA: uma emissão de laser incomum da espetacular Nebulosa da Formiga, que sugere a presença de um sistema duplo de estrelas escondido no seu coração.

Quando as estrelas de baixo a médio peso, como o nosso Sol, se aproximam do fim das suas vidas, tornam-se, eventualmente, estrelas anãs brancas e densas. No processo, expelem as suas camadas externas de gás e poeira para o espaço, criando um caleidoscópio de padrões intricados, conhecidos como uma nebulosa planetária.

As observações do Herschel, no infravermelho, mostraram que a morte dramática da …

Robôs cultivam sozinhos miniórgãos a partir de células-tronco humanas

Vista de cima de uma placa de micropoços contendo organóides renais, gerados por robôs de manuseio de líquidos a partir de células-tronco humanas. A região da caixa amarela é mostrada com maior ampliação. As cores vermelha, verde e amarela marcam segmentos distintos do rim. Freedman Lab/UW Medicine

Máquinas fazem em 20 minutos procedimento que para cientistas humanos demora um dia

Um sistema automatizado que usa robôs foi projetado para produzir rapidamente miniorgãos humanos derivados de células-tronco. Pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade de Washington, em Seattle, desenvolveram o novo sistema.

A novidade promete expandir enormemente o uso de miniorgãos na pesquisa básica e na descoberta de medicamentos, de acordo com Benjamin Freedman, professor assistente de medicina da Divisão de Nefrologia da Escola de Medicina da Universidade de Wyoming (UW), que liderou a pesquisa.

"É uma `arma secreta` em nossa luta contra as doenças", disse Freedman, cientista do In…